O dia em que o tempo parou

large groundhog day blu-ray5Da Redação

Toda a gente se lembra do filme “O feitiço do tempo” (“Groundhog day” no original), em que Bill Murray interpreta um jornalista que repete o mesmo dia vezes sem conta. O dia em causa é conhecido como o “Dia da Marmota”, uma festividade dos EUA que consiste em usar uma marmota, que se encontra aprisionada o dia todo, para prever o tempo. Segundo a crendice, o inverno acabará cedo nesse ano se a marmota sair da gaiola sem olhar para a sua sombra.

Neste ano, a marmota “errou” a sua previsão. Não, sejamos sérios. Neste ano, a crendice não correspondeu à realidade. A primavera deveria chegar mais cedo mas, em vez disso, a região está a ser palco de nevões e temperaturas baixas recorde.

Perante isto, os organizadores do “Dia da Marmota” poderiam rever a sua tradição, deixando de capturar e aprisionar marmotas e olhando antes para o boletim meteorológico para saber o tempo que irão ter no futuro próximo. Mas Mike Gmoser, promotor do condado de Butler County, acha que a marmota “Phil” errou de propósito. Pior, o delírio deste homem chega mesmo ao ponto de defender a morte de “Phil”.

A boa notícia, dada pela G1, é que Gmoser é promotor no estado de Ohio, e “Phil” habita o estado da Pensilvânia. Por agora, “Phil” está livre da loucura dos promotores de outros estados. Mas, infelizmente, não está livre da loucura dos seus captores. Para estes, o tempo parou há muito, sendo incapazes de superar uma tradição ultrapassada, estúpida e cruel.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s