Gato curioso anda sobre manuscrito medieval

medieval-manuscript-cat-paw-prints_65668_600x450National Geographic News (traduzido)

Por Kate Andries

Desde as religiões egípcias antigas ao “Gato Preto” de Edgar Allen Poe até ao último meme “I Can Haz Cheeseburger”, os felinos, a literatura e a cultura tem gozado de um longo caso amoroso. Mas talvez nenhum outro felino andou sobre a história da forma que um gato Mediterrânico fez quando deixou impressões de patas nas páginas de um manuscrito do século XV de Dubrovnik, Croácia.

Enquanto lia o manuscrito em julho de 2011, Emir O. Filipović. um assistente de ensino e investigação da Universidade de Sarajevo, descobriu páginas do livro manchadas com as patas cobertas de tinta de um gato e tirou uma fotografia – algo que planeava partilhar com colegas e alunos por brincadeira.

“Nunca poderia ter imaginado a atenção que estas impressões receberiam posteriormente,” escreve Filipović num email.

Filipovic enviou a foto para o amigo historiador Erik Kwakkel via twitter em setembro de 2012, mas foi no início deste ano que as impressões patais foram alvo de uma enchente de reblogging, retweeting e partilha.

“Não é comum um investigador encontrar coisas curiosas quando folheia registos de arquivos monótonos e chatos,” disse Filipović. Mas quanto mais tempo passado a ver manuscritos, maiores as hipóteses de encontrar coisas fora do normal.

No decurso da sua pesquisa – iniciada por Filipović em 2008 – encontrou pequenos desenhos, fungos estranhos, iniciais decoradas elaboradamente, buracos presumivelmente abertos nos manuscritos por vermes ou outras pestes e até marcas de água cuidadosamente desenhadas.

Sendo um meme felino interessante, Filipović espera que a foto seja mais que uma descoberta engraçada e inspire mais interesse no Mediterrâneo medieval.

“[A foto] poderá talvez encorajar pelo menos um investigador a dedicar mais tempo à história de Dubrovnik, as suas redondezas (Croácia, Bósnia, Sérvia), e a região mediterrânica mais ampla.”

A foto figurará no Álbum Medieval de Paleografia Interativo, uma coleção de exercícios de transcrição feitos para ajudar estudantes e amadores nos aspetos práticos de leitura de manuscritos – especialmente em como decifrar a caligrafia medieval.

Mantido pela historiadora Marjorie Burghart, da Associação Europeia para as Humanidades Digitais, os manuscritos inseridos no álbum vão dos séculos IX a XV.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s