Iniciado abate controverso de cerca de 10 mil cavalos selvagens na Austrália

Cavalos selvagensI

A Austrália iniciou hoje o abate controverso de cerca de dez mil cavalos selvagens, através de tiros disparados a partir de helicópteros, informou hoje a imprensa local.

O sacrifício dos animais equestres, levado a cabo pelo Conselho Central das Terras, um organismo do Território do Norte, decorrerá até meados de junho na estação de Tempe Downs, situada a cerca de 300 quilómetros a sudoeste da cidade de Alice Spring, segundo a cadeia local ABC.

O abate dos cavalos selvagens é justificado pelas autoridades australianas como forma de evitar que morram de fome e de sede, causando a degradação dos terrenos no norte do país.

O Conselho Central das Terras, responsável pela gestão de terras aborígenes, anunciou a decisão no início do mês, motivando o protesto de organizações de defesa dos animais e de associações equestres que afirmam tratar-se de cavalos de raça.

O Conselho Central das Terras defendeu que quer sacrificar cerca de dez mil equinos porque alegadamente os cavalos, tal como os burros e camelos levados para a Austrália pelos primeiros colonos, multiplicaram-se sem controlo e destruíram o meio ambiente.

Os cavalos “estão a morrer aos milhares por falta de alimentos e de água. A destruição das fontes de água em particular tem um profundo efeito nos animais nativos”, disse no princípio do mês o diretor do Conselho, David Ross.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s