Vídeo da semana: Nadando com porcos nas Bahamas

 

Anúncios

O verdadeiro «amor de mãe»… entre um cão e uma gata

gata pitbullTVI

Lurlene foi resgatada das ruas e acolhida pelo abrigo Cleveland Animal Protective League. Pouco tempo depois foi mãe de uma ninhada. Na mesma altura, Noland é encontrado sujo e coberto de moscas dentro de uma garagem. As autoridades não conseguiram encontrar a mãe do cachorro e este foi levado para o abrigo de Cleveland. A equipa juntou Lurlene a Noland e, assim, nasceu uma família especial.

O verdadeiro «amor de mãe» valeu 18 mil euros, (25 mil dólares) a Lurlene, uma gata de rua que adotou um cachorro Pit Bull, Noland, no início deste ano, escreve o «Huffington Post». A verba foi oferecida pela Fundação Petco após um concurso para «desejos de Natal». Continuar a ler

Nove animais apreendidos em circos

circos sem animaisTVI

A «Operação Coliseu», realizada pela Guarda Nacional Republicana (GNR) entre 10 e 20 de dezembro em recintos que albergam circos ou atividades semelhantes resultou em três autos de contraordenação e na apreensão de nove espécimes protegidos.

De acordo com um comunicado da GNR, das ações de fiscalização durante este período, que pretendiam «reprimir eventuais infrações à legislação nacional e comunitária», resultou a apreensão de sete répteis e duas otárias «por falta de registo/licença ou certificado». Continuar a ler

Novo grupo de defesa dos animais vai supervisionar produções de Hollywood

Life of PiYahoo!

Um novo grupo de defesa dos animais pretende supervisionar com mais transparência as produções de Hollywood. A decisão acontece após a revista “Hollywood Reporter” denunciar, em novembro, que bichos sofreram maus tratos durante as gravações de filmes populares nos Estados Unidos.

A Movie Animals Protected (MAP) pretende ameaçar a supermacia da American Humane Association (AHA), principal organização que hoje trabalha para proteger a integridades dos animais usados nas filmagens. O novo grupo será encabeçado por Barbara Casey, ex-autoridade da AHA. Continuar a ler

Uma parceria para ajudar quem tem amigos de quatro patas

caesPúblico

Por Natália Vilarinho

Existe desde Julho deste ano um projecto com o objectivo de chegar às pessoas que vivem na rua ou em condições carenciadas e para quem os animais assumem uma grande importância. Com o mote “Para que quem perdeu tudo não perca também os seus melhores amigos”, a parceria AR+CA nasce de uma colaboração da associação Animais de Rua (AR) com o Centro de Apoio ao Sem-Abrigo (CASA).

Pedro Pedrosa, director da delegação do Porto do CASA, conta que foi com o arranque do projecto CASA Amiga, na freguesia da Vitória, em Outubro de 2012, que despertou para a necessidade de uma intervenção conjunta. Ao prestar ajuda a mais de 100 famílias carenciadas na zona histórica do Porto, a associaçã apercebeu-se de que a maior parte das pessoas “tinha grandes preocupações em ajudar os animais. Neste momento, estão sinalizadas mais de 50 famílias que recebem apoio em matéria de alimentação e cuidado veterinário. Continuar a ler

Há pessoas que vivem na rua por não quererem abandonar os seus animais

cao abandonadoPúblico

Por Natália Vilarinho

O cão anuncia-lhe a chegada. É pequeno, preto e avança decidido, parecendo indicar o caminho a quem o segue. Atrás dele surge uma mulher, vinda do meio da multidão que cruza o Chiado nos dias que antecedem o Natal. Vem com cobertores nas mãos, ar cansado e olhos no chão. São duas da tarde e ainda não comeu nada. “Ainda não fiz dinheiro, quando fizer, logo como”. É mais um sem-abrigo que engrossa a lista de pessoas que vivem na rua em Lisboa. Quando se lhe pergunta porque é que não dorme num dos abrigos para quem não tem casa, a resposta é imediata: “Porque não me deixam entrar com o meu cão, dizem que não podem estar lá animais. E eu prefiro ficar na rua que ficar sem ele”. Continuar a ler