Lisboa: Mais de 180 cães e gatos são primeiros residentes da Casa dos Animais

caoegatoDiário Digital

Mais de 180 cães e gatos são os primeiros residentes da nova Casa dos Animais de Lisboa, que foi hoje inaugurada e adotou a política de só abater em caso de doença ou sofrimento profundo.

Com salas de vacinação, consulta, tratamentos, cirurgias e quarentena, canis individuais e espaço de recreio ao ar livre, o novo canil e gatil do município é resultado de uma proposta apresentada no Orçamento Participativo de 2009/2010 e de uma remodelação do antigo espaço.

Presente na inauguração, o presidente da Câmara de Lisboa, António Costa, dono de um cão, visitou as instalações e agradeceu aos lisboetas por «terem obrigado a câmara a assumir as suas responsabilidades».

«O primeiro mérito é para os cidadãos [que apresentaram a proposta] e isto [a Casa dos Animais] só mostra que a participação dos cidadãos é fundamental para melhorar a cidade», afirmou.

António Costa disse ainda que as atuais instalações «não aliviaram totalmente o peso» na consciência por ter permitido que o anterior canil municipal funcionasse nas condições em que funcionava.

Também presente, o vereador das Unidades de Intervenção Territorial, Higiene Urbana e Serviços Operacionais disse à Lusa que a Casa dos Animais representa um investimento de 700 mil euros.

Na sua intervenção, Duarte Cordeiro destacou a política «zero abate», em que apenas são adotadas práticas de eutanásia em caso de «sofrimento profundo e doenças incuráveis».

Segundo o vereador, serão ainda feitas campanhas de sensibilização para a adoção de animais, campanhas de esterilização para melhor se controlar as colónias de animais de rua e será lançada ainda hoje uma página da Casa dos Animais na rede social Facebook.

Quem adota um animal na Casa dos Animais tem direito a vacinas e consultas gratuitas e ainda a um treino de cães.

O equipamento recebe animais abandonados, vítimas de acidente na via pública, pertencentes a reclusos e encontrados em residências em situação de insalubridade.

Na cerimónia de inauguração foram ainda assinados protocolos entre a Câmara de Lisboa, as faculdades de Medicina Veterinária da Universidade de Lisboa e da Universidade Lusófona que irão atender casos para os quais a Casa dos Animais não tem resposta.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s