Petição pela inclusão de opções vegetarianas nas escolas, universidades e hospitais portugueses

lisa vegetarianaPetição Pública

Estamos no ano de 2015 e são muitos os portugueses que, por opção ou necessidade, motivados por aspectos éticos, ecológicos ou de saúde, seguem regimes de alimentação que diferem da norma, nomeadamente uma alimentação ovo-lacto-vegetariana ou estritamente vegetal (vegetariana).

De acordo com um estudo realizado pela empresa Nielsen, promovido pelo Centro Vegetariano, em 2007 eram 30.000 os portugueses que tinham adoptado uma dieta vegetariana, e pelo menos 5% da população portuguesa excluía um dos alimentos tradicionais (carne, peixe, laticínios, ovos) do seu regime de alimentação.

Supõe-se que este número tenha crescido amplamente, baseando-se esta previsão no crescimento da oferta de produtos vegetarianos no mercado alimentar português, sobretudo nas grandes superfícies comerciais, tal como é constatável presentemente.

A adopção de um regime alimentar vegetariano espelha a liberdade de escolha de cada indivíduo, tal como é abertamente declarada e defendida na Constituição Portuguesa, por acordo com os princípios democráticos.

Contudo, o governo português não antecipa os diferentes regimes alimentares dos portugueses, nem tampouco promove a diversidade de opções alimentares em cantinas escolares e universitárias, ou em hospitais, para ir ao encontro das necessidades de milhares de portugueses que se vêem frustrados face à manifesta escassez actual de opções vegetarianas.

Perante esta falha democrática, urge-se que sejam legisladas novas medidas políticas que assegurem a diversidade de regimes alimentares nas cantinas portuguesas, através da implementação mandatória de uma opção vegetariana em todas as principais instituições de ensino portuguesas, seja a creche ou jardim de infância, ensinos públicos básico e secundário, e ensino universitário, assim como em todos os hospitais nacionais.

Subscrever

One thought on “Petição pela inclusão de opções vegetarianas nas escolas, universidades e hospitais portugueses

  1. Excelente!!! Mas infelizmente não concordo quando salienta que houve um crescimento da oferta de produtos vegetarianos no mercado alimentar português… não houve, de todo. De momento, não vivo em Portugal e sempre que vou ao país (Lisboa) fico chocada com a pouca oferta de produtos veganos ou vegetarianos e tendo em conta que o que cá, é caro. Eu digo isto, porque no país que em que resido de momento, a oferta é imensa e a preços rasoáveis. Acho que ainda temos um caminho bem longo a percorrer, mas fico muito feliz de ver esta iniciativa que é deveras, excelente.

    Inicei um blog á cerca de receitas veganas e crudívoras de receitas antigas (livros desde 1915 até 1970s) e contemporâneas. Se quiser, dê uma olhada. Bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s